quarta-feira, 30 de janeiro de 2019

PREFEITURA DE BREJO INFORMA QUE QUADRA ALVO DE VANDALISMO EM SÃO DOMINGOS SERÁ RESTAURADA NA PRÓXIMA SEMANA


 A Prefeitura Municipal do Brejo da Madre de Deus vem a público lamentar a ação de vândalos que depredaram a quadra poliesportiva localizada na Rua Nova no loteamento Zé Cláudio no Distrito São Domingos, bem como, saquearam o portão de acesso a unidade esportiva.
 Aproveitando o momento para comunicar a população que na próxima semana serão iniciados os trabalhos de restauração da quadra poliesportiva, bem como, montada estratégias com a GCM – Guarda Civil Municipal – para evitar ações criminosas como as que ocorreram.


 Lembramos que o código penal na Lei nº. 2.848/40 sobre Dano ao Patrimônio Públicos em seu Art. 163 que destruir, inutilizar ou deteriorar, prevê pena de detenção de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa. Já o Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei nº. 8.069/90) sobre o Estudante que causar dano ao patrimônio público escolar em seu Art. 116 diz que ‘em se tratando de ato infracional com reflexos patrimoniais, a autoridade poderá determinar, se for o caso, que o adolescente restitua, promova o ressarcimento do dano, ou, por outra forma, compense o prejuízo da vítima.
Parágrafo único: Havendo manifesta impossibilidade, a medida poderá ser substituída por outra adequada.
Da: Assessoria




Blog manhã nordestina.


quarta-feira, 30 de janeiro de 2019

PREFEITURA DE BREJO INFORMA QUE QUADRA ALVO DE VANDALISMO EM SÃO DOMINGOS SERÁ RESTAURADA NA PRÓXIMA SEMANA


 A Prefeitura Municipal do Brejo da Madre de Deus vem a público lamentar a ação de vândalos que depredaram a quadra poliesportiva localizada na Rua Nova no loteamento Zé Cláudio no Distrito São Domingos, bem como, saquearam o portão de acesso a unidade esportiva.
 Aproveitando o momento para comunicar a população que na próxima semana serão iniciados os trabalhos de restauração da quadra poliesportiva, bem como, montada estratégias com a GCM – Guarda Civil Municipal – para evitar ações criminosas como as que ocorreram.


 Lembramos que o código penal na Lei nº. 2.848/40 sobre Dano ao Patrimônio Públicos em seu Art. 163 que destruir, inutilizar ou deteriorar, prevê pena de detenção de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa. Já o Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei nº. 8.069/90) sobre o Estudante que causar dano ao patrimônio público escolar em seu Art. 116 diz que ‘em se tratando de ato infracional com reflexos patrimoniais, a autoridade poderá determinar, se for o caso, que o adolescente restitua, promova o ressarcimento do dano, ou, por outra forma, compense o prejuízo da vítima.
Parágrafo único: Havendo manifesta impossibilidade, a medida poderá ser substituída por outra adequada.
Da: Assessoria




Blog manhã nordestina.


Página no Facebook

 

Manhã Nordestina Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger