quarta-feira, 10 de julho de 2019

DISQUE-DENÚNCIA AGRESTE LANÇOU CAMPANHA PARA LOCALIZAR ADOLESCENTE DESAPARECIDA EM CARUARU


O Disque-Denuncia Agreste lançou uma campanha na manhã desta quarta-feira (10) uma campanha para localizar a adolescente, Joclecia da Silva, de 12 anos, que está desaparecida desde o dia 14 de junho. O lançamento da campanha ocorreu no auditório da Dinter-01 da Polícia Civil e contou com a participação do delegado seccional Dr. Bruno Vital, o delegado da 2ª DP Dr. Fernando Elias, a coordenadora do Disque-Denúncia Janeilda Rodrigues e a mãe da menor.


O delegado que investiga o caso Dr. Fernando Elias, informou que já foram realizadas diversas incursões na tentativa de localizar a jovem e com essa campanha espera que a sociedade se engaje e que ajude ao desespero da família da menina que está vivendo a maior angústia.


A coordenadora do Disque-Denuncia Agreste, Janailda Rodrigues, disse que está sendo oferecida uma recompensa no valor de até mil reais para quem ajudar na localização da menina e além do tradicional contato (81) 3719-4545 o serviço também disponibiliza dois outros canais no Whatsapp (81) 9 8256-4545 ou (81) 9 8170-2525 que são usados exclusivamente para o envio de mensagens de texto, áudio ou vídeo e assim como de praxe oferece anonimato em todos os canais disponíveis.

Informações de Adielson Galvão




                  Blog manhã nordestina.

quarta-feira, 10 de julho de 2019

DISQUE-DENÚNCIA AGRESTE LANÇOU CAMPANHA PARA LOCALIZAR ADOLESCENTE DESAPARECIDA EM CARUARU


O Disque-Denuncia Agreste lançou uma campanha na manhã desta quarta-feira (10) uma campanha para localizar a adolescente, Joclecia da Silva, de 12 anos, que está desaparecida desde o dia 14 de junho. O lançamento da campanha ocorreu no auditório da Dinter-01 da Polícia Civil e contou com a participação do delegado seccional Dr. Bruno Vital, o delegado da 2ª DP Dr. Fernando Elias, a coordenadora do Disque-Denúncia Janeilda Rodrigues e a mãe da menor.


O delegado que investiga o caso Dr. Fernando Elias, informou que já foram realizadas diversas incursões na tentativa de localizar a jovem e com essa campanha espera que a sociedade se engaje e que ajude ao desespero da família da menina que está vivendo a maior angústia.


A coordenadora do Disque-Denuncia Agreste, Janailda Rodrigues, disse que está sendo oferecida uma recompensa no valor de até mil reais para quem ajudar na localização da menina e além do tradicional contato (81) 3719-4545 o serviço também disponibiliza dois outros canais no Whatsapp (81) 9 8256-4545 ou (81) 9 8170-2525 que são usados exclusivamente para o envio de mensagens de texto, áudio ou vídeo e assim como de praxe oferece anonimato em todos os canais disponíveis.

Informações de Adielson Galvão




                  Blog manhã nordestina.

Página no Facebook