segunda-feira, 7 de janeiro de 2019

Caruaru-PE: Aos 78 anos, morre o artesão Severino Vitalino


Morreu na madrugada desta segunda-feira (7) o artesão Severino Pereira dos Santos, conhecido como Mestre Severino Vitalino, de 78 anos. Ele estava internado no Hospital Mestre Vitalino (HMV), em Caruaru, desde o dia 28 de outubro, após sofrer um infarto agudo do miocárdio.

O artesão foi submetido a cirurgia de revascularização do miocárdio no dia 08 de novembro. Portador de doença pulmonar ocupacional, evoluiu com insuficiência respiratória e renal, teve tempo prolongado de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) e evoluiu na enfermaria com delirium (raciocínio confuso e consciência reduzida).
No dia 28 de novembro, ele apresentou rebaixamento do nível de consciência por quadro infeccioso e deu entrada na unidade coronariana no dia seguinte, sendo entubado e sedado.
Histórico
Severino Pereira dos Santos, o Severino Vitalino, nasceu no sítio Campos-PE em 1940. Ainda criança se mudou com sua família para o Alto do Moura em Caruaru, onde vive até hoje. Severino é filho do mestre Vitalino e continuador de sua obra.
Com o mestre Vitalino, Severino aprendeu a modelar o barro. Desde muito pequeno já ajudava seu pai a fazer as pecinhas de barro; até hoje faz questão de manter o estilo do pai. Com técnica apurada, molda no barro as obras que correram o mundo como: a banda de pífanos, a família de retirantes, o boi, Lampião e Maria Bonita, dentre outras.
Ele atendia na antiga casa do seu pai no Alto do Moura hoje funciona a Casa Museu Mestre Vitalino. Severino era o responsável pelo local, onde também utiliza para comercializar suas peças. Lá ele era o responsável por receber os visitantes e contar as histórias sobre seu pai, tarefa que dá muita satisfação.
Por Mário Flávio

segunda-feira, 7 de janeiro de 2019

Caruaru-PE: Aos 78 anos, morre o artesão Severino Vitalino


Morreu na madrugada desta segunda-feira (7) o artesão Severino Pereira dos Santos, conhecido como Mestre Severino Vitalino, de 78 anos. Ele estava internado no Hospital Mestre Vitalino (HMV), em Caruaru, desde o dia 28 de outubro, após sofrer um infarto agudo do miocárdio.

O artesão foi submetido a cirurgia de revascularização do miocárdio no dia 08 de novembro. Portador de doença pulmonar ocupacional, evoluiu com insuficiência respiratória e renal, teve tempo prolongado de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) e evoluiu na enfermaria com delirium (raciocínio confuso e consciência reduzida).
No dia 28 de novembro, ele apresentou rebaixamento do nível de consciência por quadro infeccioso e deu entrada na unidade coronariana no dia seguinte, sendo entubado e sedado.
Histórico
Severino Pereira dos Santos, o Severino Vitalino, nasceu no sítio Campos-PE em 1940. Ainda criança se mudou com sua família para o Alto do Moura em Caruaru, onde vive até hoje. Severino é filho do mestre Vitalino e continuador de sua obra.
Com o mestre Vitalino, Severino aprendeu a modelar o barro. Desde muito pequeno já ajudava seu pai a fazer as pecinhas de barro; até hoje faz questão de manter o estilo do pai. Com técnica apurada, molda no barro as obras que correram o mundo como: a banda de pífanos, a família de retirantes, o boi, Lampião e Maria Bonita, dentre outras.
Ele atendia na antiga casa do seu pai no Alto do Moura hoje funciona a Casa Museu Mestre Vitalino. Severino era o responsável pelo local, onde também utiliza para comercializar suas peças. Lá ele era o responsável por receber os visitantes e contar as histórias sobre seu pai, tarefa que dá muita satisfação.
Por Mário Flávio

Página no Facebook

 

Manhã Nordestina Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger